ORDEM DO DIA
Projeto De Lei 689/2017



Texto da Ordem do Dia

O SR. PRESIDENTE (JORGE FELIPPE) - ANUNCIA-SE: EM TRAMITAÇÃO ORDINÁRIA, EM 1ª DISCUSSÃO, QUÓRUM: MS, PROJETO DE LEI Nº 689/2017 DE AUTORIA DO VEREADOR MARCELINO D'ALMEIDA, QUE "CRIA O BAIRRO JABOUR, PELA SUBDIVISÃO DO BAIRRO DE SENADOR CAMARÁ, ÁREA DE PLANEJAMENTO 5 - AP 5 DO MUNICÍPIO E DÁ OUTRAS PROVIDÊNCIAS."

PARECERES DAS COMISSÕES DE: Justiça e Redação, Pela CONSTITUCIONALIDADE, Relator Ver. Thiago K. Ribeiro;

Administração e Assuntos Ligados ao Servidor Público, PENDENTE;

Assuntos Urbanos, PENDENTE.

(INTERROMPENDO A LEITURA)
A matéria está pendente de pareceres.
A Presidência convida o nobre Vereador Fernando William para emitir parecer pela Comissão de Administração e Assuntos Ligados ao Servidor Público.
O SR. FERNANDO WILLIAM – O Vereador Marcelino D’Almeida resolveu reorganizar geograficamente o Rio de Janeiro. Como há poucos dias eu fui muito crítico em relação à proposta que ele encaminhou de transformar a Barra da Tijuca em Zona Oeste, eu vou dar parecer favorável, vou votar a favor do projeto de separação dos bairros do vereador.
Espero que isso não traga nenhum problema para a região, para os moradores da região. Em uma demonstração, também, de boa vontade com Vossa Excelência, mas é preciso a gente começar a ter um pouquinho mais de cuidado. Daqui a pouco a gente cria um enorme tumulto na cidade com essas modificações que Vossa Excelência tem pretendido adotar.
Parecer favorável.
O SR. PRESIDENTE (JORGE FELIPPE) – O parecer da Comissão de Administração e Assuntos Ligados ao Servidor Público é favorável.
A Presidência convida o nobre Vereador Alexandre Isquierdo para emitir parecer pela Comissão de Assuntos Urbanos.
O SR. ALEXANDRE ISQUIERDO – Senhor Presidente, o parecer da Comissão de Assuntos Urbanos é favorável.
O SR. PRESIDENTE (JORGE FELIPPE) – O parecer da Comissão de Assuntos Urbanos é favorável.
Em discussão.
Não havendo quem queira discutir, encerrada a discussão.
Em votação.
Os senhores vereadores que aprovam permaneçam como estão.
O Projeto de Lei Nº 689/2017 está aprovado e voltará em 2ª Discussão.