Discurso - Vereador Cesar Maia -

Texto do Discurso

O SR. CESAR MAIA – Senhor Presidente, senhoras e senhores vereadores: quando muda o governo, os que entram muitas vezes pensam que estão criando um novo governo. Não. Os servidores que ali estão, a experiência acumulada é básica para que o novo governo possa tomar as suas decisões, realizar as suas políticas, com base no conhecimento acumulado e adquirido pelos governos anteriores.
Lembro-me aqui que discutia com os vereadores do partido a respeito das OSs, dizendo que aquele argumento da Prefeitura em 2009 não funcionava, porque a ideia deles era a seguinte: os serviços terceirizados não geram despesas de aposentadoria. É verdade! Daqui a 20, 25 anos. Mas, a curto prazo, é mais barato que se trabalhe com o servidor concursado e que se tenha tempo 20, 25 anos para se desenvolver um trabalho financeiro adequado de maneira a que se chegue ao tempo de aposentadoria com os recursos disponíveis. Não acreditaram, não fizeram, agora estão fazendo conta, sabendo hoje aquilo que já se sabia em 2009. Que as OSs não funcionariam financeiramente.
Lembro-me de uma coisa a mais: as OSs, já em 2010, gastavam o correspondente praticamente ao IPTU do ano inteiro. Como, de repente, você joga em cima das despesas da Prefeitura todo o IPTU? Evidentemente, isso iria estourar. Não estourou durante anos, porque as relações com o Governo Federal eram generosas, e o Governo Federal oferecia recursos através de convênios, os mais diversos, o que impediu que a realidade dos fatos fosse conhecida naquele momento. Mas foi conhecida a tempo e a hora e hoje nós estamos vendo.
Muito obrigado, Senhora Presidente.