Discurso - Vereador Babá -

Texto do Discurso

O SR. BABÁ – Primeiro, eu gostaria aqui de saudar a fala do companheiro Tarcísio, sobre a situação bárbara que aconteceu com a companheira Marielle. A investigação tem que ser feita e precisa punir efetivamente os assassinos, os mandantes, todos eles.
Sem embargo, hoje, eu quero discutir o que estava na primeira página do jornal O Globo – uma cena patética! O mesmo Prefeito que corta dinheiro da Saúde, deixando uma quantidade enorme de pessoas – além das demissões e do fechamento das Equipes de Saúde, que o companheiro Paulo Pinheiro corretamente está lançando aqui este adesivo também, que diz o seguinte: “Crivella, cuide das pessoas!” E ele disse que ia fazer, e não fez. Pelo contrário, está cuidando muito mal das pessoas.
Eu falava dessa situação do corte de verbas da Saúde, e a cena patética que eu vi no jornal O Globo de hoje – deve passar nos telejornais –, que é o Crivella sorrindo, cercado da sua equipe – e aqui, ao chão, um guarda municipal, atingido por uma arma Taser. E ele todo orgulhoso lá, para poder montar o pelotão de choque da guarda municipal. E a gente sabe qual é o objetivo desse pelotão de choque, é fazer o que a Guarda Municipal jamais poderia fazer, como fez há cerca de um mês atrás, para retirar junto com o pelotão de choque da polícia militar famílias que moravam há anos na Ilha do Governador, e que foram removidas à força, na marra. É isso que quer o senhor Crivella: gastar uma fortuna para comprar armas, que dizem que não são armas letais.
Mas, futuramente, eles querem, porque tem projeto aqui nesta Casa para que a Guarda Municipal também tenha armas letais. Aí, já deu para sentir o problema. Tira da Saúde, e monta pelotão de choque, comprando armas. E o guarda municipal serviu, na verdade, para poder mostrar o poder daquela arma. Um policial aqui armado com uma Taser, atingindo outro guarda municipal, que cai ao chão – e o Crivella sorrindo vergonhosamente, vergonhosamente!
Ele deveria, na verdade, ter vergonha de estar sorrindo, porque ele cuida mal das pessoas, porque ele cuida mal da Saúde, cortando verba no orçamento para saúde e, ao mesmo tempo, comprando carros, armas para guarda municipal, sabem para quê? Para fazer o que o Pezão fez, quando comprou mais e mais armas para o pelotão de choque da PM. Para quê? Para reprimir os movimentos que nós fizemos. E o mesmo governador que comprou essas armas está lá no seu devido lugar, que é na cadeia para ladrão. É o que ele é, porque roubou o dinheiro público.
Eu quero chamar a atenção do Prefeito Crivella que quem maltrata senhorinhas de 70 anos, 75 anos, 80 anos, que não podem sair de casa, e eram as equipes do Saúde da Família que, na verdade, vão fazer visitá-las nas suas casas. Porque as pessoas não podem mais descer para ir ao posto de saúde. Excelente trabalho, e que agora está sendo duramente atacado. Porque para quem maltrata a saúde da população ou de qualquer pessoa, um dia isso volta para ela em um efeito superior.
Quero aproveitar o momento e até solicitar aos senhores vereadores, porque eu estou apresentando o requerimento aqui para a Medalha de Mérito Pedro Ernesto para a diretora do posto de saúde da Tijuca, que é um exemplo. Eu e minha família, que moramos ali, somos atendidos neste posto pela Doutora Marcele. Muito nos orgulha poder apresentar aqui esse pedido de Medalha de Mérito Pedro Ernesto para ela. O que quer fazer o senhor Crivella? O senhor Crivella quer, na verdade, maltratar – e muito – a saúde das famílias que dependem de saúde pública para demitir quase 1.200 pessoas, fechar 184 equipes de Saúde da Família. Mas o troco virá dessa mesma população que está sofrendo hoje em dia.
É uma cara de cinismo do Crivella, sorrindo na capa – desse tamanho – na foto da matéria do jornal O Globo. E lá o guarda municipal atingido pela arma, que caiu ao chão, e o Crivella sorrindo. Tenha santa paciência! Isso é uma vergonha! E, nisso aí, o companheiro Paulo Pinheiro tem sido, dentro da Bancada do PSOL, uma importante figura no sentido de defesa da saúde pública. Isso ele faz no dia a dia, não apenas por ser médico reconhecido, mas porque coloca o seu mandato e nossa bancada... Mas na figura do companheiro Paulo Pinheiro manda o Crivella cuidar das pessoas, “#Crivella”, “#vaicuidardaspessoas”. Está aqui, olha: “Crivella cuide das pessoas” – coisa que ele não faz. Pelo contrário, ele ataca a saúde das pessoas que estão sofrendo, justamente, pelo corte de verbas na saúde e que nós vamos continuar denunciando. Muito obrigado, Senhor Presidente.