SESSÃO - EXTRAORDINÁRIA
Pela Ordem




Texto

A SRA. ROSA FERNANDES – Presidente, já que eu ganhei a oportunidade de falar, queria deixar registrado a notícia com a qual todos nós fomos surpreendidos no dia de ontem: a possível saída - eu não sei se já se concretizou, se vai se concretizar, eu não tenho estes detalhes - da Secretária Municipal de Saúde. Lamento pelo momento. É uma prerrogativa do Senhor Prefeito escolher sua equipe, fazer a troca no momento que lhe convém. Mas, certamente, é a pior hora, é o pior momento para mudar toda uma diretriz da Secretaria de Saúde no meio de uma pandemia. É temerário que esta descontinuidade aconteça. Já aconteceu no Governo Federal, já em parte no Governo Estadual e acontece no Governo Municipal agora. Eu não entendo e não vi justificativa plausível para esta tomada de atitude do Prefeito, apesar de entender que não deve ter sido o Prefeito que fez a exoneração. Deve ter sido iniciativa da própria Secretária. Eu não tenho detalhes, talvez alguns vereadores médicos aqui tenham mais proximidade. Mas parece que a própria Secretária tomou a iniciativa de pedir o seu afastamento. Ela deve ter lá as suas razões para tomar uma atitude dessas, e eu acho que o Senhor Prefeito não deveria ter aceitado. Deveria ter contornado a situação para que não houvesse descontinuidade dos trabalhos. Só este registro, porque é lamentável e não há como nós interferirmos, infelizmente, mas fica aí o meu registro.